Durante o séc. XX o contexto económico levou ao abandono rural e à transição do uso tradicional da agricultura e da pastoricia para um uso quase exclusivamente florestal.

Aliada à pequena propriedade e a uma população maioritariamente idosa, a quase ausência de gestão  florestal profissional resultou numa paisagem continua com 90% de floresta, principalmente de eucalipto e pinheiro.

"abandono rural e continuidade florestal: causas de uma paisagem e  população muito vulneráveis aos incêndios"

"população envelhecida numa paisagem florestal dominada por eucalipto em regime de pequena propriedade"